22 fevereiro 2017

Quando a miúda me facilita a vida!

Anda há meses a falar do Carnaval. 

- Pode ser borboleta outra vez, mamã?! Pode?!
- Claaaaaro!!! 

Quem anda aí?

Já vi um filme... Ainda não são 6h e estou fresca! 
Vai ser um dia bom. Vai vai... 
Bi-0 
Insónia-1

21 fevereiro 2017

Da C#7

-Mamã, sabes porque é que tu não podes ter um namorado?
-Hummm... porquê filha?
-Porque eu depois não sei como vou chamar ele...
- Como assim filha?
- Ele não vai ser o meu papá... chamo como?

A sério que ela pensa nisto?!?!

Desejos para esta noite!

Vou fechar os olhinhos, adormecer, ter uma noite tranquila e... acordar amanhã num país qualquer cheio de calor, onde só tenha de me preocupar com o biquini e as havaianas. 

Pode ser? Alguém por aí que ajude esta gata borralheira? Uma fada madrinha sem dona ou algo do género?
Agradecida. 

19 fevereiro 2017

Domingos bons


Há anos que não ia à praia da Fonte da Telha. 
É mais longe, difícil para estacionar e o trânsito... faz-me desistir. 
Fui lá hoje a propósito do almoço de aniversário de uma amiga. 
E que bom que foi. Já não me lembrava que esta praia era tão bonita!!
E o dia esteve tão bom! 
Difícil foi regressar. 

17 fevereiro 2017

A loira foi à oficina

- Então qual é o problema da viatura?
- Pelo barulho acho que são as pastilhas dos travões.
- Pediu a um amigo para verificar o barulho?
- .... Nãaaao!! Porque....
- Ah! Não leve a mal... normalmente as senhoras mal detectam barulhos nos carros, muito menos sabem identificá-los.
 
Dei um desconto ao senhor. Não estava de bom humor e não me apeteceu dizer o que penso daquele comentário. 

- Não me leve a mal... mas agora vamos a ver e o barulho nem vem das rodas... Era giro!

E ria-se com ar de gozão/brincalhão, daqueles que se riem sozinhos das próprias piadas.
Eu devia estar com má cara e o senhor calou-se.
Foi fazer a verificação.
Regressou.

- E então? Não me diga que o barulho vem do tejadilho e eu nem isso percebi?
- Ah.. não... são as pastilhas. Pode deixar ficar o carro hoje?


 

Coisas que me encanitam #1

As pessoas esquecem-se que quando desafiam outras, do outro lado, pode estar alguém, mesmo disposto a aceitar o desafio. Ou que tenha até mesmo aceite e feito já movimentações em prol do mesmo.
E é feio, para não dizer que é maldade, chegar e dizer: Afinal já não quero!! 

Brincar com a vida alheia é giro?!?

15 fevereiro 2017

Relação Amor/Ódio


Apaixonei-me pelo Garmin 235.
Odeio os euros que pedem por ele.
Humpf! :(

14 fevereiro 2017

A desgraça!

Ter reuniões de trabalho no Cascaishopping.
Aproveitei e almocei por lá.
A 15 minutos da hora marcada, a pessoa que vem ter comigo liga-me a dizer que está atrasada uns 20 minutos. Só não enfureci (odeio esperar, chego sempre antes da hora a todo o lado), porque estava num shopping... E o dinheiro que uma mulher consegue gastar em meia hora?? Raios parta isto... :))


Carlota de molho!

Febre, ranho, dores de garganta, tosse e afins... ida à urgência, porque se a miúda sai à mãe, quando a garganta dói e vem com febre agarrada... é o fim!! Mas não, nada muito grave!

Mas ao fim  de uma manhã em casa já me pedia para ir à escola. Cada vez que o termómetro apita, arregala logo os olhos, muito atenta, na esperança de me ouvir dizer que não tem febre.

Hoje, por precaução e para resguardar deste frio,  ficou em casa novamente. 
Chorava, de lágrimas grossas a escorrer-lhe pela cara... 

- Mas mamã... eu não tenho febre... deixa-me ir à escola...por favor!!!

Vai-se lá entender isto.
Daqui a 3 anos voltamos a falar.

Happy Valentine's!!


Or in a fake one! 
No love... No, thank you!

12 fevereiro 2017

09 fevereiro 2017

Tau!!


Não tenho palavras para isto!

Recordam-se deste post?
Ele foi em frente e assinou mesmo a Lei. Na Rússia, a violência doméstica deixa de ser crime.
Depois de assistir a certas coisas que se passam neste Mundo actualmente, confesso que parando para pensar não sei como ainda me espanto com algumas notícias. Como esta!
Tanto que se lutou e luta pela liberdade, contra a violência, seja ela que de tipo for, contra guerras e afins, como é possível isto? Como? Nos dias de hoje, em países desenvolvidos? Ou então nem assim tanto... 

06 fevereiro 2017

:))


Bom dia!!

Boa 2ªfeira!!

E hoje senti umas saudades tremendas "da Neve"!

Este ano já não irei... mas para o ano... e quero muito levar a Carlota!! 
E esta foto faz 4 anos... como é possível?!


05 fevereiro 2017

Exercitar o psicológico também conta!


Hoje tinha metido na cabeça que ia correr 14km. 
Quando me mentalizo para fazer determinada distância, ligo aqui um chip qualquer que me ajuda imenso durante o treino. Como se fizesse uma formatação psicóloggica pré-treino. 
Óbvio que estou a falar de distâncias coerentes para mim... não me vou mentalizar que vou correr 40km, chego lá e faço aquilo lindamente. 

A pessoa começa a correr, 7k para um lado, mais 7k para outro. 
Hoje fiz os primeiros 9k com a minha grupeta, deixei-os e segui viagem. 
O relógio avisa o km 9. Fazes as contas, mais 2,5k para cada lado e está feito. 
Mas não... nunca é assim. 
Uma pessoa faz um vai-vem, e quando chega ao local de onde sai, o relógio não apita. 
Olhas... faltam ainda 200 metros... mas porquê?!?
Porque é que parece que no regresso nos comem terreno?! 
E é aí que entra o meu exercício psicológico. 
Na minha cabeça já estava a informação que ia parar quando chegasse ao carro (faria os 14k). 
É só nisso que vou focada. Não em fazer mais 200 metros. 
E não são (só) as pernas que se queixam... é a cabeça! 
Concentro-me e lá exercito a psico. 
Dar "a volta" à mente. 
Ensinar-lhe que por vezes, aquilo para o qual estamos mentalizados nao está lá. 
Não é ali. 
Está um bocadinho mais à frente.